Leilão de veículos: saiba como participar e economizar - Ideias Auto

Leilão de veículos: saiba como participar e economizar

Você já pensou em comprar um carro ou uma moto usada por um preço bem abaixo do mercado?

Anúncios

Uma das formas de conseguir isso é participando de um leilão de veículos. Nesse tipo de evento, você pode dar lances em carros e motos que foram apreendidos, recuperados ou abandonados por seus antigos donos, e que estão sendo vendidos pelo poder público ou por empresas privadas.

Anúncios

Mas como participar de um leilão com lances a partir de R$ 800,0? Quais são os cuidados que você deve ter antes, durante e depois do leilão? Quais são as vantagens e desvantagens de comprar um veículo leiloado? Neste artigo, vamos responder a essas e outras perguntas para você se preparar para arrematar o seu próximo carro ou moto.

Como participar do leilão de carros

Para participar do leilão de carros, você precisa seguir alguns passos básicos:



VEJA COMO ECONOMIZAR NA
Compra de Veículos
VEJA AQUI
* Você será encaminhado para outro site!
  • Escolher um leiloeiro de confiança: o primeiro passo é escolher um leiloeiro que seja credenciado pelo Detran e que tenha boas referências no mercado. Você pode pesquisar na internet ou pedir indicações a amigos que já participaram de leilões. Além disso, verifique se o leiloeiro tem um site oficial, um endereço físico e um telefone de contato.
  • Pesquisar os lotes disponíveis: o segundo passo é pesquisar os lotes de carros que estão sendo leiloados. Você pode fazer isso pelo site ou pelo catálogo do leiloeiro, onde você vai encontrar as características, o estado e o valor mínimo dos veículos. Alguns leilões também informam o motivo da apreensão ou da venda do carro, o que pode ajudar na sua decisão.
  • Visitar o pátio onde os carros estão expostos: o terceiro passo é visitar o pátio onde os carros estão expostos, se possível. Essa é uma forma de conferir pessoalmente as condições dos veículos e tirar dúvidas com os funcionários do leiloeiro. Você pode verificar se o carro tem algum defeito mecânico ou elétrico, se tem algum amassado ou arranhão na lataria, se tem algum documento pendente ou se tem algum acessório faltando.
  • Fazer o seu cadastro no site ou na sede do leiloeiro: o quarto passo é fazer o seu cadastro para participar do leilão. Você pode fazer isso pelo site ou pela sede do leiloeiro, apresentando os documentos necessários, como RG, CPF e comprovante de residência. Alguns leilões também exigem uma caução ou uma garantia para dar os lances.
  • Dar o seu lance online ou presencialmente: o quinto passo é dar o seu lance no dia e na hora marcados para o leilão. Você pode fazer isso online ou presencialmente, dependendo do tipo de leilão. O importante é respeitar o valor mínimo e o incremento estabelecidos pelo leiloeiro. O incremento é a quantia mínima que você deve aumentar em relação ao lance anterior.
  • Aguardar o resultado do leilão: o sexto passo é aguardar o resultado do leilão, que pode ser divulgado no mesmo dia ou em até 48 horas após o encerramento dos lances. Se você for o arrematante, ou seja, se der o maior lance em um lote, você será comunicado pelo leiloeiro por telefone ou por e-mail.
  • Pagar o valor do lance mais as taxas administrativas e de transferência do veículo: o sétimo passo é pagar o valor do lance mais as taxas administrativas e de transferência do veículo, dentro do prazo determinado pelo leiloeiro. As taxas podem variar conforme o leilão, mas geralmente incluem o comissionamento do leiloeiro, o imposto sobre a transmissão de bens móveis (ITBI), o seguro obrigatório (DPVAT) e o emplacamento.
  • Retirar o veículo do pátio: o oitavo e último passo é retirar o veículo do pátio, após receber o documento de arrematação e a nota de venda. Você deve fazer isso dentro do prazo estipulado pelo leiloeiro, caso contrário, você pode perder o direito ao veículo e ao valor pago. Você também deve verificar se o veículo está em condições de rodar ou se precisa de algum reparo.

Como participar do leilão de motos

Para participar do leilão de motos, você precisa seguir os mesmos passos que para o leilão de carros, com algumas diferenças:

  • As motos costumam ter um valor mínimo e um incremento menores do que os carros, o que pode tornar o leilão mais competitivo e exigir mais atenção aos lances.
  • As motos também podem ter mais problemas mecânicos ou elétricos do que os carros, por isso é recomendável fazer uma vistoria prévia ou consultar um mecânico de confiança antes de dar o seu lance.
  • As motos podem estar sujeitas a restrições judiciais ou administrativas, como multas, impostos ou alienação fiduciária, que devem ser quitadas pelo arrematante antes da transferência do veículo.

Quais são as vantagens e desvantagens de comprar um veículo leiloado?

Comprar um veículo leiloado pode trazer algumas vantagens e desvantagens, que você deve avaliar antes de dar o seu lance. Veja algumas delas:

  • Vantagens:

    • Você pode comprar um veículo por um preço bem abaixo do mercado, economizando até 70% em relação ao valor de tabela.
    • Você pode encontrar veículos seminovos ou até mesmo novos, dependendo da origem e da situação do leilão.
    • Você pode ter acesso a uma grande variedade de modelos, marcas e cores de veículos, que podem não estar disponíveis nas concessionárias ou nas lojas.
    • Você pode participar do leilão online, sem sair de casa, com praticidade e comodidade.
  • Desvantagens:

    • Você não pode fazer um test drive no veículo antes de comprar, tendo que confiar apenas na descrição e nas fotos fornecidas pelo leiloeiro.
    • Você pode ter que arcar com alguns custos extras para regularizar e consertar o veículo, além do valor do lance e das taxas.
    • Você pode ter que esperar um tempo para receber o documento e a chave do veículo, dependendo da burocracia envolvida na transferência.
    • Você pode correr o risco de comprar um veículo com defeitos ocultos ou com problemas judiciais, se não fizer uma pesquisa prévia ou se não ler atentamente o edital do leilão.

Conclusão

Participar de um leilão com lances a partir de R$ 800,0 pode ser uma boa oportunidade para adquirir um carro ou uma moto usada por um preço abaixo do mercado. No entanto, é preciso ter cuidado e se informar bem sobre as condições dos veículos, as regras do leiloeiro e as responsabilidades do arrematante.

Assim, você pode evitar surpresas desagradáveis e fazer um bom negócio. agora escreva um artigo de 800 palavras sobre esse tema

Compartilhar:
Wanderson Souza
Wanderson Souza
Artigos: 88
Aviso Legal: O Portal Ideias Auto se dedica a fornecer conteúdo caráter informativo, que inclui desde explorações de temas atuais até reflexões e visões gerais sobre os assuntos abordados. Não temos vínculos com instituições governamentais ou financeiras, não realizamos leilões, nem oferecemos benefícios governamentais ou qualquer tipo de produto. Nosso objetivo é exclusivamente educativo e informativo. Não solicitamos pagamentos ou dados pessoais dos usuários. Ressaltamos que o conteúdo do portal é destinado apenas para fins informativos e não substitui a consulta a um profissional especializado.